Candelabro

Livraria Alfarrabista
desde 1952

Candelabro

Livraria Alfarrabista
desde 1952

Categoria:

VALLEMONT (ABADE DE) – ELEMENTOS DA HISTORIA

Categoria:

ELEMENTOS// DA HISTORIA,// ou o que he necessario saberse// Da Chronologia, da Geografia, do Brazão, da Historia Universal, da// Igreja do Testamento velho, das Monarquias antigas, da// Igreja do Testamento novo, e das Monarquias novas,// antes de ler a historia particular.// TOMO I [a TOMO V]// Quarta impressão accrescentada com huma serie de medalhas// Imperiaes desde Julio Cesar até Heraclio,// por M. O ABBADE DE VALLEMONT,// Traduzida da lingua Franceza na Portugueza, e accrescentada// com algumas noticias de Portugal até o anno de 1734// POR PEDRO DE SOUSA DE CASTELLO BRANCO,// Senhor do Concelho do Guardão, Commendador da Commenda de// Santo André do Ervedal na Ordem de Christo, e Coronel// do Regimento da Armada Real.

LISBOA OCCIDENTAL,// na Officina de MIGUEL RODRIGUES,// Impressor do Senhor Patriarca.// MDCCXXXIV a MDCCLI [1734 a 1751]. 5 vols. In-4º peq. de XLVI-542 + XXII-409 [aliás 389] + VI-389 + XIV-398 + VI-409 págs. Enc.

Obra monumental do historiador francês Abade de Vallemont, devidamente adaptada à realidade portuguesa por Pedro de Sousa de Castelo Branco.

Trata-se da 1ª edição portuguesa, apesar de o título referir quarta impressão. Diz Inocêncio da Silva (6º vol., pág. 448) que só foram feitas duas edições em Portugal, designadas por quarta e quinta impressão: “Creio que a indicação de quinta edição [impressão] é feita com referencia às do original francez, pois não sei que haja da traducção portugueza mais que as duas que ficam mencionadas; sendo d’estas a primeira em tudo preferível à segunda (…)”.

Os 5 volumes, com frontispícios a duas cores, têm fantástica impressão muitíssimo nítida e sobre bom papel encorpado.

O tomo II tem 17 curiosas gravuras representando 139 brasões e outros elementos heráldicos pertencentes à nobreza lusitana (gravadas a buril e assinadas C. de Rochefort filius F. [fecit]. 1732); as 7 gravuras do tomo III reproduzem medalhas com as efigies de “Os imperadores, imperatrices, cezares. Os Tiranos e Suas mulheres. Gravadas por Carlos de Rochefort, filho. 1733”.

Um exemplar em tudo idêntico ao nosso, está descrito no 2º vol., págs. 676 e 677, do catálogo do Conde de Samodães.

Encadernações antigas inteiras em pele com belas lombadas. Conjunto atraente, exibindo bonita patine do tempo.

Em bastante bom estado de conservação, sem assinaturas de posse nem humidades; os 2º,4º e 5º vols. têm vestígios de xilófagos de pouca importância, bem como a encadernação do 1º volume.

Esta obra pertenceu à rica biblioteca do médico portuense Dr. Fernando d’Abreu, da qual ostenta o respectivo ex-libris.

RARO.

700,00 

Em stock

0
    0
    Carrinho
    O seu carrinho está vazioVoltar à Loja