ARMARIA (01.01.2018)
DESCRIÇÃO PREÇO
11925

REGIMENTOS// MILITARES
Em que se dá nova fórma à Cavallaria, e In-// fantaria com augmento de soldos para todos// os Cabos, Officiaes, e Soldados, e dis-// posição para o governo dos Exerci-// tos assim na Campanha, como// nas Praças// (...)// TOMO I [& TOMO II].
LISBOA..// Na Offic. de Antonio Rodrigues Galhardo// Impressor do mesmo Conselho// MDCCXCVII [1797]. 2 vols. In-8º peq. de II-378 + 295-IV págs. Enc.
"Em que se comprehendem tambem os exercicios uteis com as suas vozes para todos os Soldados, e Granadeiros, serviço por Brigada, modo de acampar, e tomar as guardas, e ordens geraes para os Sargentos Maiores, e o Regimento dos Sargentos Móres das Comarcas com o Decreto de Sua Magestade de 23 de Agosto de 1703".

Ao que parece, a crer nas informações prestadas por Francisco Augusto Martins de Carvalho no seu "Diccionario Bibliographico Militar" de 1891, a primeira edição deste título é de 1708 a que se seguem outras duas de 1748 e 1753 e, finalmente, a edição que apresentamos, de 1797. O mesmo autor refere ainda que "Parece que havia sido impressa esta obra pela primeira vez em 1703, mas nunca vimos exemplar algum d'essa edição."
Encadernações da época, inteiras em pele.
Muito INVULGAR colecção de regimentos militares, título essencial de toda a bibliografia de militária portuguesa.
Conjunto de um modo geral em bom estado de conservação. As encadernações exibem alguns sinais do tempo mas ainda estão bastante sólidas. O miolo de ambos os volumes têm alguns vestígios de xilófagos mas que nunca ofendem a parte impressa.

250,00 €
11798

SIMÕES (J. DE OLIVEIRA) - AS ARMAS NOS LUSÍADAS
Publicações Alfa. Lisboa. 1986. In-4º de 163 págs. Enc.
Do índice: "Armas-ferro", "A evolução do armamento dos portugueses", "Espadas", "Lanças", "Arcos-setas", "Bestas", "Pedra e funda", "Instrumentos bélicos", "Bandeiras e insígnias militares", "Escudos", "Armaduras", "Abrolhos", "Minas", "Espingarda", "Artilharia neuro e pirobalística, munições e artifícios", "Conclusão".
Estudo impresso em bom papel e profusamente ilustrado a cores ao longo do texto.
Em bom estado de conservação.

15,00 €
7588

VITERBO (F. M. DE SOUSA) - A ARMARIA EM PORTUGAL
Noticia documentada dos fabricantes de armas brancas que exerceram a sua profissão em Portugal. Memoria apresentada Á ACADEMIA REAL DAS SCIENCIAS DE LISBOA por Sousa Viterbo.
Lisboa. Por ordem e na Typographia da Academia. 1907. In-4º gr. de VI-176 págs. Enc.
No mesmo volume:
"A ARMARIA EM PORTUGAL. Segunda serie. Notícia documentada dos fabricantes de armas de arremesso e de fogo, bésteiros, viroteiros, arcabuzeiros, espingardeiros, etc., que exerceram a sua industria no nosso paiz. Lisboa. Por ordem e na Typographia da Academia. 1908. In-4º gr. de VI-187-I págs."

Estudo de grande envergadura, provavelmente o mais completo sobre o tema, com o registo de mais de 400 fabricantes nacionais de armas brancas e de fogo, do séc. XIV ao Séc. XVIII.
Obra completa nos seus 2 volumes e MUITO RARA já que a sua tiragem resumiu-se a apenas 100 exemplares.
Boa e sólida encadernação com lombada e cantos em pele. Conserva as capas da brochura do 1º volume e margens integrais.
Em excelente estado de conservação.

300,00 €
Página produzida pelo programa CaTema, de AFAsoft          © 2009 António F. Amorim